CUIABÁ

BRASIL

50 Mil Candidatos Devem Realizar o 2º Dia de Prova do Enem em MT

Publicados

BRASIL

 

Este domingo (28) é o segundo dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A segunda etapa da avaliação tem 45 questões de matemática e 45 de ciências da natureza (física, química e biologia). Em Mato Grosso, cerca de 50 mil candidatos devem comparecer aos locais de prova.

Os horários de abertura dos portões são os mesmos da semana anterior, mas a prova termina 30 minutos antes, porque não há a redação.

Mais de 70 mil candidatos inscritos para realizar o Enem, mas 27,7% de o número representa 19.390 candidatos.

A prova é aplicada em 57 municípios de Mato Grosso, em 183 locais de prova.

A quantidade de inscritos para o exame neste ano foi de 30% a menos que o registrado no ano passado.

Os horários de abertura dos portões são os mesmos da semana anterior, mas a prova termina 30 minutos antes, porque não há a redação.

Confira os horários do primeiro dia de provas em Mato Grosso:

Abertura dos portões: 11h

Leia Também:  Maternidade de VG passa contar com cartório

Fechamento dos portões: 12h

Início das provas: 12h30

Saída sem caderno de questões: a partir das 14h30

Saída com caderno de questões: a partir das 17h30

Término das provas: 17h30

O que levar na prova

Para ter acesso ao local de prova, é obrigatório apresentar um documento original com foto. São válidos:

RG;

Identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros e refugiados;

Carteira de Registro Nacional Migratório;

Documento Provisório de Registro Nacional Migratório;

Identificação fornecida por ordens ou conselhos de classes que por lei tenha validade como documento de identidade;

Passaporte;

Carteira Nacional de Habilitação;

Carteira de Trabalho e Previdência Social.

Caso o documento oficial tenha sido roubado ou furtado, pode ser apresentado o boletim de ocorrência expedido há no máximo 90 dias.

Vias digitais ou cópias autenticadas não serão aceitas.

O uso de máscara é obrigatório e é proibida a entrada do participante sem ela por questões de segurança contra a covid-19.

O edital do exame prevê que quem estiver com Covid ou outra doença infectocontagiosas não deve comparecer ao local de prova. Nesse caso, o candidato diagnosticado deverá submeter um pedido de reaplicação da prova pelo página do participante em até cinco dias úteis após o último dia de aplicação.

Leia Também:  Quatro meses após cura, professora morre por complicações da Covid em Cuiabá

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

BRASIL

Farmácias Públicas de Sorriso ficam Sem Remédios

Publicados

em

Por

 

Com uma média de mais de 800 atendimentos registrados nos últimos 40 dias nas unidades de saúde de Sorriso (420 km ao norte de Cuiabá), as farmácias cidadãs do município passam por desabastecimento. Segundo a prefeitura, só de dipirona foram distribuídos 156 mil comprimidos nesse período.

A prefeitura informou que já comprou os medicamentos para a reposição, porém, o aumento na demanda fez com que os medicamentos que seriam consumidos em dois meses acabassem em 40 dias. Além disso, os fornecedores também estão com dificuldade para entregar os itens, pois o aumento da demanda ocorre em todo o país.

O relatório diário demonstra que na última sexta-feira (21) apenas 3 unidades de pronto atendimento somaram 817 consultas médicas; no sábado (22), foram 696 e, no domingo (23), chegaram a 695 consultas médicas.

O surto de gripe e os altos índices de novas infecções por covid-19 levaram a esse quadro por todo o país. Conforme a Secretaria Municipal de Saúde, essa é uma situação que extrapolou o planejamento de vários estados e municípios.

A coordenadora de Assistência Farmacêutica, Priscilla Diel Bobrzyk, explica que dado os altos números de atendimentos, a situação das farmácias vem sendo monitorada desde o fim de dezembro/início de janeiro. “Nós observamos que a busca por atendimento simplesmente triplicou, e, desde então estamos em contato direto com os fornecedores em busca de restabelecer o estoque”.

Até a situação regularizar e como forma de diminuir o problema, a Secretaria orientou aos médicos que prescrevam medicamentos alternativos, nos casos possíveis. Ainda assim, há situações em que o medicamento não pode e não deve ser substituído, e, infelizmente muitas pessoas não encontraram a medicação prescrita na Farmácia Cidadã 24 Horas nesse fim de semana. 

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Jovens de 18 anos comemoram vacinação
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA